Agora são horas e minutos - Bem-vindos ao Memories!


31 agosto 2009

O limoeiro que queria ser rei




Era um pequeno Limoeiro que tinha um sonho. Ter uma coroa de rei!
Ele era da família das limas, com frutos verde escuro, pequenos e muito saborosos. Com seus frutos se faziam as melhores limonadas. Todos o admiravam, pois estava sempre carregadinho de limões e muito vistoso!
Mas ele não era completamente feliz.
Um dia, o jardineiro chegou com uma nova planta, para decorar o jardim do qual ele fazia parte. Foi aí que ele conheceu dona Laranjeira. Muito florida de branco, uma belezura! Ficaram logo muito amigos. Apesar das diferenças, tinham os mesmos gostos e sabores parecidos! Um dia, ouviram o jardineiro dizer que eles eram primos! 
Logo as pequenas e perfumadas flores que enfeitavam dona Laranjeira se transformaram em frutos verdes... parecidos com os limões de seu amigo. Mas, pouco a pouco, foram crescendo e pegando as cores do Sol.
Aquele canto do jardim até parecia a bandeira do Brasil. Tudo verde e amarelo! O Limoeiro contou seu sonho para a sua amiga dona Laranjeira, que ficou muito admirada e lhe contou uma outra história muito interessante:
Numa outra vez... um Ananás bem coroado se sentia o rei de um pomar desde que tinha nascido o seu fruto. Quem por ali passava dizia: - Que bela coroa ele tem! Todas as outras árvores e plantas dos arredores se inclinavam diante dele, mostrando admiração e respeito. Mas, num triste dia, o jardineiro chegou bem perto e disse: - Hum! Está madurinho e cheiroso! Vamos ter hoje uma bela sobremesa! E arrancou-o da terra. Inteirinho! Foi muito triste. Todas as plantas do jardim choraram pelo rei.
O Limoeiro sacodiu suas folhinhas e se sentiu aliviado. No seu caso e no caso de sua amiga, dona Laranjeira,  a colheita de seus frutos não era assim triste. Quanto mais frutos davam...mais flores e frutos nasciam, que sorte tinham! Logo deixou de lado o sonho de ser rei e se sentiu muito feliz! Mas... uma pontinha de tristeza ficou, depois de ouvir a história do Ananás. Perguntou à dona Laranjeira se não haviam mais notícias do Ananás. Então ela lhe contou outra história:
Vez por outra, a pessoa que prepara o Ananás para a sobremesa, retira sua linda coroa e a planta num vaso. Ele se transforma numa bela planta decorativa! Foi o que aconteceu com ele! Hoje mora no varandão de uma casa do campo. Rodeado de Margaridas brancas e Gerâneos vermelhos, não quer mais saber de ser rei. Para ele agora, o importante é estar entre amigos, na variedade e nas semelhanças da vida!
O Limoeiro e a Laranjeira riram muito... tanto, que despertaram a atenção de todo o jardim. Todos se sentiram muito bem acompanhados e felizes!

                                                                                                  Lou Ferro

Nenhum comentário:

Postar um comentário